Menu

Categorias
Em cartaz em dezembro

CAUSOS DE FAMÍLIA

Indio Behn é um humorista e músico, natural de Canoas, região metropolitana da capital do Rio Grande do Sul. Iniciou sua carreira artística como músico tocando em bailes pelo interior do estado e capital. Porém, em 2010 começou a produzir conteúdo de humor para a internet, por meio de um blog. A partir da produção de conteúdo de humor para internet, Índio Behn se inspirou para criar textos a fim de se apresentar como humorista de Stand Up Comedy em clubes de comédia e, em 2012, lançou seu primeiro solo. Logo após as primeiras apresentações, Behn se encorajou para inscrever-se pela primeira vez em um concurso de humor, o quadro “Quem Chega Lá?” do Domingão do Faustão, da Rede Globo, no qual foi um dos finalistas em 2015. Em 2016 participou do Prêmio Multishow de Humor, no qual também foi um dos finalistas. Em 2017, após adquirir experiência no palco, iniciou alguns trabalhos como diretor de palco e diretor de imagens. Um dos seus primeiros trabalhos foi dirigir o primeiro especial de comédia do humorista Nego Di. Nos anos seguintes, Índio passou a se apresentar com mais frequência em clubes de comédia e ficou uma longa temporada em cartaz com a peça “Com a Corda Toda”, além de criar sua própria plataforma para shows corporativos on-line. Também, na mesma época, gravou seu especial de comédia só com paródias, o qual está disponível nas plataformas digitais de streaming de áudio e de vídeo. Em 2022, participou do quadro Mochila do Riso, um quadro do programa Faustão na Band. Ainda em 2022, a LUNE Produtora assumiu a gestão da sua carreira. Após isso, Índio concedeu entrevista ao Danilo Gentili no programa The Noite, do SBT, e também participou do podcast Inteligência Ltda, um dos maiores podcasts do Brasil, além de participar dos programas Pretinho Básico e Que Papo é Esse?, da RBS. Em dezembro de 2022, Índio Behn estreou no icônico programa de humor A Praça é Nossa, no SBT.

Atualmente, o artista está produzindo, em grande volume e periodicidade, conteúdo para as mídias sociais. E, junto ao humorista Maikinho Pereira, criou o show “Causos de Família” e está em turnê com seu show solo “Gratiluz com Drª Rosângela”, o qual teve suas primeiras apresentações em São Paulo com 8 sessões esgotadas.

GRATILUZ

Drª Rosângela é uma personagem criada por Índio Behn com o intuito de fazer uma homenagem e uma sátira aos terapeutas, veganos e praticantes de Yoga. Com essa grande mistura nasceu o show de comédia Gratiluz, onde a personagem Drª Rosângela faz piadas com diversas situações do cotidiano dos terapeutas, bem como canta paródias com acompanhamento de um ukelele, o qual é tocado pelo próprio artista. Em determinado momento do show, a Drª Rosângela chama alguém, da plateia ou um convidado especial que seja artista local para realizar uma breve consulta no palco. Em 2022 e 2023, Gratiluz esteve em cartaz nos diversos e mais tradicionais clubes de comédia do Brasil para testar o texto do show. 

FICHA TÉCNICA

Elenco: Índio Behn

Direção: Índio Behn

Roteiro: Índio Behn e Pedro Lemos

Produção Executiva: Régis Luiz Neves

Tour Manager: Naiady de Sá

Projeto Gráfico: Victor Eduardo

Produtor Técnico: Gabriel Lagoas

CAUSOS DE FAMÍLIA

Índio Behn e Maikinho, são dois humoristas amigos de longa data, naturais de Canoas e São Leopoldo, respectivamente, que se juntaram para criar esquetes de humor para as suas mídias sociais. Com a alta produção de roteiros e o sucesso das personagens, ambos pensaram: “Por que não levar para o teatro?” Assim, nasceu o show Causos de Família, o qual, inicialmente, foi idealizado para ser uma websérie. Porém, logo, evoluiu para ser um show, o qual seria gravado em partes para, posteriormente, ser publicado como episódios de uma temporada. O formato teve inspiração no antigo programa Sai de Baixo, da Rede Globo. A história se passa na casa da Tia Marlene, que convive diariamente com a sua sobrinha Jéssica, a qual está sempre criando alguma confusão com a vizinha Nair e a terapeuta Drª Rosângela, além da Bruna, Maristela, Mãe Lidiane e Cláudio. Hoje, a websérie já tem 2 temporadas disponíveis no YouTube com milhares de visualizações e o show está em cartaz em alguns teatros do Brasil.

Duração: 80 min/Classificação: 12 anos

Categorias
Notícias Sem categoria

Desenvolvimento do Teatro no Brasil se deu pela vinda da família real portuguesa a então colônia em 1808

O teatro foi introduzido no Brasil por volta de 1500, durante o período de descobrimento do país. Na época colonial, os padres jesuítas usavam essa forma de arte como meio de catequese para os índios. 

No entanto, seu desenvolvimento como arte foi ocorrer apenas com a chegada da família real à então colônia. Em 28 de maio de 1810, D. João VI assinou um decreto permitindo a construção de teatros para a nobreza. A saber, as peças encenadas na época tinham origens estrangeiras, principalmente francesas e europeias, deixando de representar a cultura brasileira. 

Leia também: Quem é Tépsis, considerado o primeiro ator do Teatro?

Consolidação do teatro brasileiro ocorreu anos depois

Mesmo com a família real no país, a consolidação do teatro brasileiro ocorreu somente no início do século XX. Assim, resistiu a crises políticas, incluindo o Golpe Militar de 1964 e a ditadura de 1937 a 1945. 

A saber, a primeira companhia teatral brasileira, a Brazilian Dramatic Company, surgiu em 1880, fundada por ex-escravos libertos na Nigéria.

Leia também: Conheça a origem do termo teatro

O Teatro Renaissance  

Inaugurado em 1999, o Teatro Renaissance é um espaço cultural que abrange uma ampla gama de expressões cênicas. Sendo assim, ao longo dos anos, apresentamos teatro de prosa, teatro musical, música popular, música erudita e dança, oferecendo espetáculos com diversas temáticas e abordagens sobre as relações humanas. 

Estamos localizados na Alameda Santos, 2.233, no bairro dos Jardins, em São Paulo e possuímos mais de 20 anos de história, proporcionando uma programação semanal com variadas apresentações em nosso palco.  

Com uma capacidade para 440 pessoas, contando com 420 poltronas numeradas e oito espaços para cadeirantes (equivalente a 16 poltronas), nosso teatro acolhe um público diversificado e fiel. 

Às sextas-feiras são marcadas por apresentações de stand-up comedy, atraindo fãs de humor para shows às 23h59. Nos fins de semana, é a vez de grandes atores e atrizes protagonizarem peças de dramaturgos de todo o mundo, proporcionando momentos marcantes em nosso palco. Fique por dentro dos nossos espetáculos seguindo nossas páginas no Instagram e Facebook.  

Categorias
Em cartaz em outubro

VICTOR SARRO EM “NA MINHA ÉPOCA NÃO ERA BULLYING”

Na Minha Época Não Era Bullying é o Victor Sarro solto no palco com a certeza de que algumas coisas mudam, mas outras nunca vão mudar: a zoeira tem que continuar! Num show cheio de interação com o público, o que rende novas piadas a cada apresentação, você vai lembrar de uma época onde tudo era mais simples e divertido. Ative o modo Sarro e vem dar muita risada!

SOBRE VICTOR SARRO

O paulista Victor Sarro nunca coube dentro de uma só caixa: ele nasceu em São Bernardo do Campo, mas sempre morou em São Paulo, onde descobriu que o que fazia de melhor era fazer os outros rirem. Com isso, veio uma carreira que incluiu desde palhaço até apresentador, roteirista e ator, rendendo colaborações com grandes nomes do entretenimento, como Fábio Porchat e Anitta. Além disso, integrou elencos e apresentou programas em diversos canais de televisão. Atualmente, está no ar em rede nacional no Programa de Calouros do SBT.

Nos palcos, Victor Sarro resgata aquele humor que conhece tão bem e o fez reconhecido em todo país: o da quinta série.

Indicação: 16 anos. Duração: 70 minutos.

AS REDES SOCIAIS​​​​

INSTAGRAM: https://www.instagram.com/victorsarro/ 

TIKTOK: https://www.tiktok.com/@ovictorsarro 

FACEBOOK: https://www.facebook.com/victor.sarro 

YOUTUBE: https://www.youtube.com/victorsarro1 

Realização: www.nume.com.br

Categorias
Notícias

Quem é Tépsis, considerado o primeiro ator do Teatro?

Téspis, um dos primeiros atores e dramaturgos gregos, foi pioneiro na introdução de personagens individuais em suas peças, criando o conceito de protagonista e usando distintas máscaras para representar diferentes papéis. 

Assim, sua inovação foi essencial para o desenvolvimento do gênero tragédia. Com o tempo, outros dramaturgos, como Ésquilo e Sófocles, introduziram elementos que ampliaram o número de personagens representados por poucos atores. A representação teatral grega envolvia o uso de máscaras, vestimentas indicativas do personagem e uma forte ênfase no texto falado. 

Leia também: Conheça a origem do termo teatro

Atores tornaram-se celebridades na Grécia antiga 

Os homens eram os únicos permitidos nos palcos atenienses, e os atores trágicos eram altamente valorizados e bem pagos. No século IV a.C., o teatro sofreu uma queda enquanto a expressão corporal ganhou mais importância, levando ao surgimento das primeiras improvisações teatrais. 

No entanto, o interesse pelo ator individual cresceu, levando à formação de corporações de atores que eventualmente perderam prestígio social. Os concursos para atores foram instituídos por volta de 449 a.C., e atores como Pólus tornaram-se celebridades, não apenas por suas habilidades de interpretação. Mas também por seu impacto como professores de dicção e influenciadores culturais.

Leia também: Confira as peças em cartaz no Teatro Renaissance em junho

O Teatro Renaissance  

Inaugurado em 1999, o Teatro Renaissance é um espaço cultural que abrange uma ampla gama de expressões cênicas. Sendo assim, ao longo dos anos, apresentamos teatro de prosa, teatro musical, música popular, música erudita e dança, oferecendo espetáculos com diversas temáticas e abordagens sobre as relações humanas. 

Estamos localizados na Alameda Santos, 2.233, no bairro dos Jardins, em São Paulo e possuímos mais de 20 anos de história, proporcionando uma programação semanal com variadas apresentações em nosso palco.  

Com uma capacidade para 440 pessoas, contando com 420 poltronas numeradas e oito espaços para cadeirantes (equivalente a 16 poltronas), nosso teatro acolhe um público diversificado e fiel. 
Às sextas-feiras são marcadas por apresentações de stand-up comedy, atraindo fãs de humor para shows às 23h59. Nos fins de semana, é a vez de grandes atores e atrizes protagonizarem peças de dramaturgos de todo o mundo, proporcionando momentos marcantes em nosso palco. Fique por dentro dos nossos espetáculos seguindo nossas páginas no Instagram e Facebook

Categorias
Notícias

Conheça a origem do termo teatro

O termo teatro tem origem grega e se refere tanto ao conjunto de peças dramáticas apresentadas em público quanto ao local em que as peças são encenadas.

Sendo assim, o teatro é uma forma de arte em que um ou mais atores interpretam uma história que externa uma variedade de emoções na plateia.

Leia também: Teatro vai além dos atores e do público – Conheça outros elementos primordiais para a arte

Teatro conta com diversos gêneros 

A dramaturgia é a arte de escrever peças teatrais, e o dramaturgo é a pessoa responsável pela criação dos textos.

Dessa maneira, existem diversos gêneros de teatro, incluindo comédia, drama, fantoche, ópera, musical, revista, tragédia e tragicomédia.

Leia também: Confira as peças em cartaz no Teatro Renaissance em junho

O Teatro Renaissance 

Inaugurado em 1999, o Teatro Renaissance é um espaço cultural que abrange uma ampla gama de expressões cênicas. Sendo assim, ao longo dos anos, apresentamos teatro de prosa, teatro musical, música popular, música erudita e dança, oferecendo espetáculos com diversas temáticas e abordagens sobre as relações humanas.

Estamos localizados na Alameda Santos, 2.233, no bairro dos Jardins, em São Paulo e possuímos mais de 20 anos de história, proporcionando uma programação semanal com variadas apresentações em nosso palco. 

Com uma capacidade para 440 pessoas, contando com 420 poltronas numeradas e oito espaços para cadeirantes (equivalente a 16 poltronas), nosso teatro acolhe um público diversificado e fiel.

Às sextas-feiras são marcadas por apresentações de stand-up comedy, atraindo fãs de humor para shows às 23h59. Nos fins de semana, é a vez de grandes atores e atrizes protagonizarem peças de dramaturgos de todo o mundo, proporcionando momentos marcantes em nosso palco. Fique por dentro dos nossos espetáculos seguindo o nosso perfil no Instagram e a nossa página no Facebook

Categorias
Notícias

Confira as peças em cartaz no Teatro Renaissance em junho

No mês de junho, o Teatro Renaissance apresenta uma programação imperdível repleta de espetáculos incríveis! Destaques incluem a apresentação única de Jhordan Matheus com seu solo e as últimas apresentações de “Intimidade Indecente”. 

Além disso, nosso palco recebe:

  • Marcelo Marrom com “Calmaria”; 
  • “Benignismo” de Igor Guimarães; 
  • “Comédia ao Vivo”; 
  • Yuri Marçal em “Me Perdi No Que Eu Tava Falando”;
  • Fábio Rabin em “Ladeira Abaixo”. 

Leia também: Você sabe quais são os elementos que compõem o teatro?

Confira os dias e horários das apresentações teatrais no Teatro Renaissance durante o mês de junho

Não deixe de conferir as datas e horários das peças no Teatro Renaissance em maio para não perder nada! 

  • “Intimidade Indecente”, com Marcos Caruso e Eliane Giardini – apresentações aos sábados, às 19h e 21h e aos domingos, às 17h;
  • “Benignismo”, de Igor Guimarães – sextas, às 21h; (exceto dia 14)
  • Jhordan Matheus em “Novo Show” – apresentação única, dia 14, sexta-feira, às 21h; 
  • “Comédia ao Vivo” – todas às sextas do mês, às 23h59. Elenco rotativo;
  • “Me Perdi No Que Eu Tava Falando”, com Yuri Marçal – domingos, às 20h (exceto dia 23) 
  • “Ladeira Abaixo”, de Fábio Rabin – apresentação única, dia 23, domingo, às 20h; 
  • “Calmaria”, de Marcelo Marrom – sábados, às 23h. 

Leia também: Como o teatro chegou ao Brasil? Veja a história

O Teatro Renaissance 

Inaugurado em 1999, o Teatro Renaissance é um espaço cultural que abrange uma ampla gama de expressões cênicas. Sendo assim, ao longo dos anos, apresentamos teatro de prosa, música popular, música erudita e dança, oferecendo espetáculos com diversas temáticas e abordagens sobre as relações humanas.

Estamos localizados na Alameda Santos, 2.233, no bairro dos Jardins, em São Paulo e possuímos mais de 20 anos de história, proporcionando uma programação semanal com variadas apresentações em nosso palco. 

Com uma capacidade para 440 pessoas, contando com 420 poltronas numeradas e oito espaços para cadeirantes (equivalente a 16 poltronas), nosso teatro acolhe um público diversificado e fiel.

Às sextas-feiras são marcadas por apresentações de stand-up comedy, atraindo fãs de humor para shows às 23h59. Nos fins de semana, é a vez de grandes atores e atrizes protagonizarem peças de dramaturgos de todo o mundo, proporcionando momentos marcantes em nosso palco. Fique por dentro dos nossos espetáculos seguindo o nosso perfil no Instagram e a nossa página no Facebook